• Verdeluz

Agência da Boa Notícia: Movimentos sociais promovem atos na Semana do Meio Ambiente

Data: 02/06/2015

Veículo: Agência da Boa Notícia

Disponível em: http://www.boanoticia.org.br/movimentos-sociais-promovem-atos-na-semana-do-meio-ambiente/


A programação da Semana do Meio Ambiente articulada por movimentos sociais na capital e interior do Ceará foi aberta no último dia 31 e prossegue até domingo (7) com diversas atividades. No decorrer da semana, informa o jornalista Ademir Costa, do Movimento Proparque, ocorrerão vários atos para chamar a atenção do público para realidades como a (des)arborização de Fortaleza, mudanças climáticas e água no Ceará, espécies invasoras e a necessidade de plantar espécies nativas, a resistência dos povos do mar, saídas para a crise ambiental global, entre outras questões. A Semana será encerrada no próximo domingo (7), com a realização da Festa da Vida, no Parque Ecológico Rio Branco, em Fortaleza.


Na capital cearense, nesta terça-feira (2), o programa começa a partir das 9h, com roda de conversa sobre “Espécies invasoras e conscientização sobre o plantio de espécies nativas”, promovida pela Associação Parque Parreão I (ASSOPPRI), no anfiteatro daquele parque (Av. Eduardo Girão, S/N – Fátima).  Às 10h, a roda de conversa será realizada pelo Instituto Terramar, no Centro de Formação Capacitação e Pesquisa Frei Humberto (R. Paulo Firmeza, 445 – Tauape) sobre “Os desafios das lutas por Justiça Ambiental”.


Ainda nesta terça, a partir das 14h, no auditório da Universidade Estadual do  Ceará (UECE), na Avenida Dr. Silas Munguba, 1700, no Campus do Itaperi,  haverá Audiência Pública da Câmara Municipal para debater  o tema “(des) Arborização em Fortaleza”, a partir de requerimento do vereador João Alfredo.  A noite , a programação segue a partir das 18h, no Centro de Humanidades da Universidade Federal do Ceará , Bloco II, Pátio da História (Av. da Universidade, 2700 – Benfica), com roda de conversa intitulada “Crise Ecológica Global: temos saída?”. Os debatedores serão Rosa da Fonseca (Instituto Crítica Radical), Alexandre Costa (integrante do Painel Brasileiro de Mudanças Climáticas e Fórum Ceará no Clima) e representante do MST, a confirmar.


No Dia Mundial do Meio Ambiente,5 de junho, os movimentos se reúnem na Praça do Ferreira, no Centro de Fortaleza, das 13h às 18h, para diversas manifestações que incluem exposições e outras manifestações artístico-culturais. O encerramento no dia 7, com a Festa da Vida, no Parque Rio Branco, será com atividades das 10 às 18h.  Ademir Costa informa que mais de 30 entidades (movimentos, associações e grupos das mais variadas áreas de atuação) se inscreveram para mostrar o que realizam em favor da vida.


O público vai poder apreciar dança, música, pintura, faixas, cartazes, teatro de boneco, panfletos, roda de conversa, poesia, vídeo, demonstrações, performances, teatro de rua, fanzine, colagens, cinema, desenhos. O Movimento Proparque realiza a Festa da Vida desde 1998, sempre na Semana do Meio Ambiente.


Participam da organização os seguintes movimentos e entidades: ADUFC-Sindicato,  Associação de Pesquisa e Preservação de Ecossistemas Aquáticos ( Aquasis), Associação Mãe Terra Pitaguary, Associação Parque Parreão I,  Centro de Defesa da Vida Herbert de Sousa, Comitê Permanente em Apoio à Causa Indígena, Coletivo Agroflorestar, Fórum Ceará No Clima, Fundação Mata Atlântica Cearense, Grupo de Consumidores Responsáveis do Benfica, Instituto Ambiental Viramundo,  Instituto Crítica Radical, Instituto Terramar, Instituto Verdeluz, Mandato é Tempo de Resistência – Deputado Renato Roseno, Mandato Ecos da Cidade – Vereador João Alfredo,  Movimento Proparque, Projeto Fotos:Síntese, e Projeto Limpando O Mundo.

0 visualização

© 2019 Por Verdeluz